Voltar para a tela anterior.

BemViver completa 15 anos e Câmara insere audiodescrição em homenagem ao Programa

A proposta de distinção ao grupo de servidores que trabalha pela qualidade de vida do funcionalismo e melhor atendimento à população partiu da vereadora Gladis Frizzo/MDB


Programa BemViver, ligado aos servidores públicos municipais, chegou a uma década e meia de história e, na plenária desta quarta-feira (07/12), recebeu homenagem do Legislativo caxiense. Durante a solenidade, que foi conduzida pela presidenta e também servidora Denise Pessôa/PT, pela primeira vez, houve audiodescrição, recurso de voz que auxilia pessoas com deficiência visual a compreenderem determinadas cenas e o contexto/cenário em que se encontram. Na abertura do protocolo, Denise fez a leitura descritiva do espaço e também de si, assim como fizeram os demais que utilizaram a palavra.

A proposta de distinção ao grupo de servidores que trabalha pela qualidade de vida do funcionalismo e melhor atendimento à população partiu da vereadora Gladis Frizzo/MDB e contou com aprovação unânime do plenário. Gladis fez o pronunciamento pela Casa e lembrou que, tanto na iniciativa privada quanto no serviço público, a gestão de pessoas, hoje chamada gestão de gente, caminha para a humanização e para o equilíbrio entre a vida pessoal e profissional dos envolvidos. Nessa linha, é que volta-se o comitê do BemViver.

“Quem bom trabalhar num lugar em que a gente se sente feliz. Isso faz muito bem, inclusive para a vida em sociedade. O convívio social faz com que a gente aprenda a conviver, conhecer as pessoas e amar quem está conosco”, frisou Gladis. De acordo com a parlamentar, o Programa BemViver tem conquistado valorosos resultados por estar alicerçado em pontos importantes: Saúde Integral, Desenvolvimento Pessoal e Profissional, Cultura e Lazer e Responsabilidade Socioambiental. “Pensar nos servidores é pensar no funcionamento da máquina pública, por isso precisam ser estimulados a novas práticas. Precisamos ter esse tipo de exercício para suportar o dia a dia de uma sociedade que nem sempre é compreensiva”, observa Gladis, elogiando o empenho dos voluntários que fizeram a história de 15 anos do Comitê BemViver, e a quem dará continuidade daqui para frente, ajudando a construir Caxias do Sul.

Representando esses voluntários, esteve na tribuna a servidora Silvana Fagundes, que recordou a trajetória do BemViver desde seus primórdios, em 2007, até hoje, quando soma mais de 32 mil atendimentos. Na avaliação de Silvana, começar um projeto não é fácil, mas mais difícil ainda é fazê-lo perdurar. “Durante esses anos, o comitê trabalhou com qualidade e dedicação. Tenho muito orgulho e sou grata de participar do comitê desde sua fundação. O Programa BemViver contribui com o processo de mudança cultural, onde investimentos no servidor possam também aprimorar o atendimento à população. Celebramos hoje com muito carinho todas as ações conquistadas e estão todos os voluntários de parabéns”, comemorou Silvana, agradecendo à Câmara pela homenagem.

Entre as conquistas do BemViver relacionadas pela representante, estão: apresentação no Isma Brasil; ser case na faculdade Anglo-AmerIcano; ser referência para as prefeituras de Esteio e São Leopoldo e para a empresa Agrale; e receber o reconhecimento da Organização das Nações Unidas (ONU) e do Ministério do Meio Ambiente.

Também estiveram na mesa de autoridades o chefe de Gabinete da Prefeitura, Cristiano Becker da Silva, representando o prefeito Adiló Didomenico/PSDB, e a secretária de Recursos Humanos e Logística, Daniela Reis. Na plateia, integrantes do Comitê BemViver, outros servidores públicos e comunidade. Ao finalizar a homenagem, a presidenta Denise agradeceu a quem compõem o Comitê BemViver por persistir na busca de qualidade de vida a todo o funcionalismo público municipal e, por consequência, à comunidade.

 

Saiba mais sobre o BemViver

- Lançado em outubro de 2007, o BemViver é uma iniciativa que promove qualidade de vida aos funcionários públicos e integra diversas secretarias, autarquia, Fundação de Assistência Social e Câmara de Vereadores. A proposta de lançar um programa assim surgiu da necessidade de incentivar o servidor público a adotar posturas e atitudes de valorização da vida nos mais diversos enfoques. Parte do pressuposto de que só é possível prestar um serviço público de qualidade se quem o faz, ou seja, o servidor, esteja cuidando de sua qualidade de vida em primeiro lugar.

- Para elaboração, implementação e avaliação do programa, foi criado um comitê coordenador em dezembro de 2006 com representantes das diversas unidades de governo. Inicialmente, cada integrante apresentou a unidade de governo da qual fazia parte, criando-se assim um diagnóstico que direcionou a elaboração dos valores e objetivos do projeto.

- Além de incentivar o servidor público a valorizar a vida, o BemViver também tem a intenção de contribuir para um processo de mudança cultural, onde o investimento nos funcionários possa ser visto como prioridade na busca do serviço público por parte dos cidadãos. A iniciativa também volta-se à saúde mental, enfatizando a qualificação das relações interpessoais, e estimula hábitos de vida saudáveis. Visa, ainda, ampliar a responsabilidade social e ambiental da administração pública, contribuir com a valorização do serviço público, promover ações de proteção à integridade física do servidor e qualificar o atendimento à população.

- O programa tem o foco na prevenção e quer incentivar atitudes positivas, focando na saúde individual e coletiva. Desenvolve ações que visam preservar a qualidade de vida dos servidores, organizadas em quatro enfoques: Saúde Integral, Desenvolvimento Pessoal e Profissional, Cultura e Lazer e Responsabilidade Socioambiental. Levando em conta valores como diversidade, ética, equidade, relações e coletividade, mantém princípios de respeito e valorização das diferenças de forma integral e para todos. Nesse sentido, são potencializados os vínculos afetivos, sociais e profissionais.

- Baseado nessa proposta, o comitê reúne-se quinzenalmente para elaboração, implementação e avaliação das ações direcionadas à qualidade de vida dos servidores. Mensalmente, é enviada uma newsletter a todos da categoria. Ela divulga atividades de curta duração e permanentes disponíveis para o cotidiano de trabalho e/ou para a vida social. Em uma década e meia de história, o BemViver registra mais de 32 mil participações.

Audiodescrição: Recurso de áudio que auxilia pessoas com deficiência visual a compreenderem determinadas cenas e a narrativa de filmes, peças teatrais e programas de televisão. Seu objetivo é, no intervalo das falas, descrever certos fatos relevantes do que está acontecendo, bem como o aspecto físico dos personagens, elementos essenciais do cenário, figurino, etc.

07/12/2022 - 11:16
Assessoria de Imprensa
Câmara Municipal de Caxias do Sul

Editor(a) e Redator(a): Vania Espeiorin - MTE 9.861

Ir para o topo