Voltar para a tela anterior.

Chico Guerra valoriza abertura da UPA Zona Norte


Líder do governo no Legislativo destacou esforço da atual administração para abrir serviço de saúde


Líder do governo no Legislativo, o vereador Chico Guerra/PRB comemorou a inauguração da Unidade de Pronto Atendimento Zona Norte em seu discurso nesta quinta-feira (21/9) na Câmara Municipal. O parlamentar valorizou o esforço da atual administração municipal para entregar a UPA à população, na quarta-feira.

Chico Guerra disse que Daniel Guerra/PRB não prometeu colocar a unidade de saúde em funcionamento tão logo assumisse a prefeitura, em 1º de janeiro, como dizem. Explicou que primeiro foi necessário conhecer a UPA, ter noção das necessidades, para então inaugurá-la.

Segundo o vereador, o empenho de servidores, secretários e do prefeito se iniciou em 2 de janeiro. Destacou que o Executivo fez cortes nos gastos, em FGs e horas extras, para entregar a unidade de pronto atendimento que agora beneficiará 90 mil pessoas.

O líder do governo criticou a administração passada por não ter feito a inauguração. Destacou que o prédio estava pronto desde 2014 e avaliou que ele viraria um “elefante branco”. Chico Guerra declarou que a atual gestão mostrou que tem meta e é eficiente.

O parlamentar destacou o fato de a UPA Zona Norte disponibilizar painel de pesquisa de satisfação aos usuários, no qual podem ser deixados comentários e sugestões. Considerou que o recurso não serve para condenar o serviço, mas para corrigi-lo se necessário. Chico Guerra lembrou que, no passado, médicos do serviço público reagiram com preocupação quando se pensou em implantar pesquisa de satisfação.

Em aparte, Gustavo Toigo/PDT reconheceu o mérito da atual administração, mas classificou como ato falho de Chico Guerra não reconhecer o mérito da gestão anterior. Toigo afirmou que o Município é feito de uma sucessão de governos, cada um dando sua colaboração em obras, projetos e serviços.

Chico Guerra respondeu que não quis desdenhar a gestão passada, mas mostrar que, com controle de gastos, foi possível viabilizar logo o serviço de saúde. Observou que, com o que se gastava, era possível construir uma UPA a cada dois meses.

 

 

21/09/2017 - 11:56
Assessoria de Imprensa
Câmara Municipal de Caxias do Sul

Editor(a) e Redator(a): Clever Moreira - 8697

Ir para o topo